no site na web Voltar ao inícioHomePesquisarPesquisarMapa do siteMapa do Site

Estudo diz que Terra está ficando mais empoeirada

Os cientistas descobriram, entre outras coisas, que as mudanças regionais na temperatura e na precipitação das chuvas causaram uma redução global no carbono terrestre de 6 ppm (partes por milhão) no século 20. O modelo também mostrou que a poeira depositada nos oceanos aumentou a absorção de carbono pela atmosfera em 6% ou 4 ppm, durante o mesmo período. Chefiado por Natalie Mahowald, professora de ciências atmosféricas e da Terra, da Universidade de Cornell, nos Estados Unidos, o estudo usou dados e modelos computacionais para estimar a quantidade de poeira do deserto ou de partículas de solo na atmosfera ao longo do século 20. Essa é a primeira pesquisa a traçar a variação de um aerossol natural (não causado pelo homem) ao redor do mundo ao longo de um século. A poeira do deserto e o clima influenciam um ao outro direta ou indiretamente por meio de vários sistemas interligados. A poeira limita a quantidade de radiação solar que chega à Terra, um fator que pode mascarar os efeitos do aquecimento global, causados pelo aumento de dióxido de carbono (CO2) atmosférico. A poeira pode influenciar nuvens e a precipitação de chuva, causando enchentes, que, por sua vez, podem causar desertificação e mais poeira. A poeira também pode afetar a química dos oceanos porque é a maior fonte de ferro, elemento vital para o plâncton e outros organismos que extraem carbono da atmosfera. Para medir as variações da poeira do deserto ao longo do século, os pesquisadores reuniram dados de núcleos de gelo, sedimento de lagos e de corais, cada um contendo informações sobre concentrações anteriores de poeira do deserto na região. Depois, eles relacionaram cada amostra com sua provável região de origem e calcularam a taxa de deposição de poeira ao longo do tempo. Ao aplicar componentes de um modelo computacional chamado Community Climate System, os pesquisadores reconstituíram a influência da poeira do deserto sobre temperatura, precipitação, ferro do oceano e absorção do carbono terrestre ao longo do tempo.

 
 
Voltar Topo Indicar a um amigo Imprimir
 
JORNAL SÃO PAULO CENTER  -  AESCALADA - ACADEMIA BRASILEIRA DE ESPORTES
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS TREINADORES ESPORTIVOS E PROFISSIONAIS DE EDUCAÇÃO FÍSICA
Telefones: (11) 3754-2364 ou WhatsApp (11) 9-5847-9889
  Nipotech