no site na web Voltar ao inícioHomePesquisarPesquisarMapa do siteMapa do Site

BAGUNÇA POLÍTICA

                   Na esteira da herança política de Mário Covas (PSDB) e de Fernando Henrique Cardoso (PSDB), surgiram no cenário político paulista José Serra (PSDB) e Geraldo Alkcmin (PSDB), todos eles herdeiros da política de cara limpa comandada por Ulysses Guimarães (PMDB), que desapareceu no oceano sem saber que águas turvas iriam banhar o seu Movimento Democrático Brasileiro, o velho e briguento partido que lutou, brigou, morreu, mas, afinal, conquistou a redemocratização brasileira.
 
    Como viram, entre os nomes de Covas, Fernando Henrique, Geraldo Alckmim e José Serra está a sigla do PSDB. Queiram ou não queiram, nomes de respeito. PSDB, apelidado de tucano, que já foi PMDB, sempre foi de esquerda e nunca fugiu da luta.
 
    Mais eis que surge o PFL, um partido que apoiava o governo, seja qual ele fosse, desde que a negociação lhe fosse favorável. PFL que já foi Arena (lembra-se daqueles tempos em que a gente ia preso, era torturado e assassinado?), que já foi PDS (lembra dos comandados de Paulos Maluf que eram contra as eleições diretas?), PPB (lembram-se dos super-faturamentos e escândalos na Câmara Municipal de São Paulo?)
 
    Mas agora, a ex-Arena, ex-PFL, ex-PPB, viraram DEM (Partido Democrata), nome bonito, sigelo, que trás no nome a palavra mais esperançosa que todos os cidadãos podem almejar.
 
    Neste quadro político desenhado em São Paulo, Mário Covas elegeu Geraldo Alckmim como seu vice e depois, quando morreu, o deixou como governador, sendo reeleito e, que, depois foi fundamental para eleger José Serra como prefeito de São Paulo, tendo como vice Gilberto Kassab, então no PFL, hoje DEM.
 
    Então, sendo assim, as eleições municipais em São Paulo, neste ano, passam pelo PSDB, certo? Errado!...O PSDB já não se entende mais: o governador José Serra, que foi auxiliar tanto de Mário Covas, Geraldo Alckmin, Franco Montoro (ele foi secretário de Planejamento, lembra-se?), agora quer a reeileção de Gilberto Kassab, vislumbrando um acordo político que, entre acordos futuros que se anunciam na contra-mão da redemocracia brasileira, o possa levá-lo a Presidência da República, nas eleiçoes de 2010.
 
    O DEM de Gilberto Kassab, que faz um bom trabalho na Prefeitura de Sao Paulo, quase todo ele iniciado e comandado por José Serra, que não quer o apoio de Geraldo Alckmim, que gostaria do apoio de José Serra, que apóia Kassab, que está sendo apoiado pelo PT do Lula.
 
   Sabe no que isso vai dar?  Em uma bagunça política que nada vai trazer de útil para a cidade de São Paulo.
 
MOACYR CUSTÓDIO

 
 
Voltar Topo Indicar a um amigo Imprimir
 
JORNAL SÃO PAULO CENTER  -  AESCALADA - ACADEMIA BRASILEIRA DE ESPORTES
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS TREINADORES ESPORTIVOS E PROFISSIONAIS DE EDUCAÇÃO FÍSICA
Telefones: (11) 3754-2364 ou WhatsApp (11) 9-5847-9889
  Nipotech